Pular para conteúdo

O Complexo Ambulatorial da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará tem como objetivo prestar atendimento de qualidades a clientela do SUS oriundos de Belém, municípios do interior do Estado e outros Estados e está distribuída em 6 ambulatórios e 1 Centro de Referência de Imunobiológicos Especiais (CRIE), conforme informações abaixo:

  • Ambulatório da Mulher
  • Ambulatório de Especialidades Clinicas
  • Ambulatório de Especialidades Cirúrgicas
  • Ambulatório de Especialidades Pediátrica
  • Ambulatório de Assistência ao Prematuro
  • Ambulatório de Dermatologia
  • Centro de Referência de Imunobiológicos Especiais (CRIE)

AMBULATÓRIO MULHER

A FSCMPA é referência no atendimento a Gestação de Alto Risco, este serviço é considerado como um dos pontos fortes da assistência à saúde no Estado. Recebe as pacientes referenciadas pela Rede Básica, Rede Especializada ou de demanda espontânea. O serviço oferta consultas, exames laboratoriais, de imagem com ênfase em medicina fetal e métodos gráficos como as patologias pré-existentes que agravam com a gestação são acompanhadas em interconsultas com outras especialidades clínicas, além das consultas obstétricas de rotina que acompanham normalmente as patologias próprias da gravidez. O pré-natal é realizado por uma equipe multiprofissional composta de: enfermeiro(a), nutricionista, médico(a), psicólogo(a), assistente social e técnico(a) de enfermagem.

Outros serviços, além do Pré-Natal de Alto Risco realizados no ambulatório da mulher são:

  • Ambulatório de acompanhamento pós Doença Trofoblástica Gestacional;
  • Ambulatório de Ginecologia Infanto-Puberal;
  • Ambulatório de Atendimento ao Climatério;
  • Ambulatório de Patologia do Tratogenital Inferior e Colposcopia;
  • Ambulatório de Cirurgia Ginecológica;
  • Ambulatório Mastologia;
  • Ambulatório de Atendimento Ginecológico a mães Doadoras de Leite Humano;
  • Ambulatório de Uroginecologia;
  • Ambulatório do Planejamento Familiar;
  • Ambulatório de Cardiologia para gestantes de alto risco;
  • Ambulatório de Reumatologia (acompanhamento de pacientes gestantes com lúpus Eritematoso Sistêmico);
  • Ambulatório de Psicologia;
  • Ambulatório de Nutrição;
  • Ambulatório de Serviço Social;
  • Ambulatório de Enfermagem.

AMBULATÓRIO PREMATURO

Atende a todos os recém-nascidos oriundos da 3ª. etapa do Método Canguru com a finalidade de acompanhar o crescimento e desenvolvimento destes recém-nascidos, bem como sua reabilitação quando há comprometimento leve a moderado do desenvolvimento. O trabalho em saúde estão distribuídos conforme especificações abaixo.

  • Ambulatório de Neuropediatria;
  • Ambulatório de Fonoaudiologia;
  • Ambulatório de Fisioterapia;
  • Ambulatório de Terapia Ocupacional;
  • Ambulatório de Psicologia;
  • Ambulatório de Nutrição;
  • Ambulatório de Nutrição;
  • Ambulatório de Enfermagem.

Atenção Humanizada ao recém-nascido de baixo peso

Definição - é um modelo de assistência perinatal voltado para o cuidado humanizado que reúne estratégias de intervenção biopsicossocial (Ministério da Saúde, 2011). A Norma de Atenção Humanizada ao recém-Nascido de Baixo Peso – Método Canguru é regulamentada pela portaria 693 de 05/07/00, e difundido pela portaria 1.638 de 12/07/07 MS. As estratégias reúnem cuidados básicos com o bebê durante sua permanência na unidade neonatal até a sua total recuperação.

Enfermaria da Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) Bebê prematuro na Unidade de Tratamento Intensivo

Estratégias de humanização:

  • Toque e contato da família o mais precoce possível com o bebê
  • Banho com o bebê enrolado em lençol e na cuba com água morna
  • Pesagem com o bebê enrolado em lençol
  • Manuseio restrito
  • Respeito ao sono e posturação em ninho contensivo no leito
  • Troca de fraldas lateralizando o bebê e diminuindo a largura da fralda entre as pernas para ajudar na posição medial das pernas
  • Observação dos estados comportamentais – estresse ou organização
  • Cuidado em dupla nos procedimentos dolorosos - contingentes
  • Controle da dor – sucção não nutritiva, com administração de solução glicosada (25%) e contensão
  • Controle de ruídos e de luminosidade
  • Promoção do aleitamento materno
  • Oferecer suporte à família por equipe multiprofissional
  • Incentivo à posição canguru do bebê na mãe ou familiar
  • Visita da família

Clientela:

  • Gestante de alto risco
  • Recém Nascido de Baixo Peso
  • Família

Vantagens:

  • Vinculo mãe-filho;
  • Reduz tempo de separação;
  • Melhora a qualidade do desenvolvimento;
  • Estimula o aleitamento materno;
  • Estimulação sensorial;
  • Redução do risco de Infecção;
  • Reduz o estresse e dor;
  • Melhor relacionamento da familiar com a equipe;
  • Possibilita maior competência e confiança dos pais;
  • Maior rotatividade de leito.

Etapas: o Método Canguru é desenvolvido em 3 etapas distintas. Conheça o método.

CONHEÇA TAMBÉM

Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará - 2019 © Todos os direitos reservados
Desenvolvimento: Bredi